"Cianóptico"

"Cianóptico"

Eu não me canso do céu,
Eu não me canso do mar,
Eu me tornaria réu
Proibido meu olhar.

Neste azul me encontro,
Neste azul me perco.
Responsável me transformo
Da culpa que não recebo.

Permaneço mergulhado,
Permaneço a voar
Em seus olhos que me lembram
Um belo céu, um belo mar.

Anne

Enquete

O que você achou deste poema?

Legal (0)
0%

Bonito (1)
100%

Lindo (0)
0%

Total de votos: 1